domingo, 27 de maio de 2012

PLANO DE FUGA ABANDONO DE ÀREA


PROCEDIMENTO DE SEGURANÇA

DESCRIÇÃO DAS DEPENDÊNCIAS DA ACALANTO

o  NOME: PLÁSTICOS ACALANTO
o  ENDEREÇO: RUA DEJANIRA MARIA BASTOS, S/N CAJI- LAURO DE FREITAS-BA
o  GRAU DE RISCO: 3
o  ATIVIDADE: FABRICAÇÃO DE BRINQUEDOS
o  ÁREA TOTAL: 8000 M2
o  MEIOS DE ESCAPE: SAÍDAS LATERAIS, SINALIZADAS POR PLACAS INDICATIVAS,LUZES DE EMERGÊNCIA EM CASO DE CORTE DE ENERGIA, SINALIZAÇÃO DE EMERGÊNCIA POR MEIO DE SIRENES.
o  EQUIPAMENTOS DE SEGURANÇA: EXTINTORES DE INCÊNDIO PORTÁTEIS, SISTEMA DE HIDRANTES,ILUMINAÇÃO DE EMERGÊNCIA.
o  BRIGADA DE INCÊNDIO: 20 BRIGADISTAS
o  RISCO EM POTENCIAL:  Incêndio Substâncias Inflamáveis Plásticos
o  MEIOS DE AJUDA EXTERNA: CORPO DE BOMBEIROS FONE-193

PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA QUE CONTEMPLAM ABANDONO DE ÀREA

o  ANÁLISE PRIMARIA: Sempre que houver uma suspeita de princípio de incêndio( por calor, cheiro, fumaça e outros meios), o mesmo deverá ser investigado. Nunca deverá ser subestimada uma suspeita.

o  ALARME: Ao ser detectado um princípio de incêndio real, deverá ser acionado o alarme de incêndio ou seja um sinal sonoro sirene num toque intermitente de 50 segundos.

o  ANÁLISE SECUNDÁRIA: Após identificação do local sinistrado, os brigadistas de plantão deverão análisar a emergência e dar os primeiros combates contra o fogo, caso não der para controlar a situação, deverá acionar o Corpo de Bombeiros mais próximo.

o  CORTE DE ENERGIA: Caso necessário, deverá ser providenciado o corte de energia elétrica(parcial ou total) o corte geral deverá ser executado pelo pessoal da Manutenção que deverá estar a disposição do chefe da brigada.

Objetivo e Definições

o  Elaboração de regras de acordo com as normas técnicas atuais, visando proteger a vida e o patrimônio, bem como reduzir as conseqüências sociais do sinistro e os danos ao meio ambiente.

o  Definições:

Emergência: Sinistro ou risco iminente que requeira ação imediata

Plano de fuga  Plano estabelecido em função dos riscos da empresa, para definir a melhor utilização dos recursos materiais e humanos em situação de emergência.

Risco: Possibilidade de perda material ou humana

Risco Iminente:  Risco com ameaça de ocorrer brevemente e que requer ação imediata.

Sinistro:  Ocorrência de prejuízo ou dano, causado por incêndio ou acidente, em algum bem.

Profissional Habilitado:  Profissional com formação em Segurança do Trabalho, devidamente registrado nos órgão e conselhos competentes.

Referências Normativas

o  As normas a seguir relacionadas contêm disposições que, ao serem citadas neste texto, constituem prescrições para melhor serem descritas. As edições indicadas estão em vigor no momento da publicação.

o  Normas Utilizadas na elaboração deste plano de fuga

o  NBR 14.276/99 Programa de Brigada de Incêndio
o  Portaria Ministerial(MTb) 3.214/78 – NR-23

AUTORIDADE E RESPONSABILIDADE

o  Gerência de Planta
o  Técnico de Segurança
o  Brigadistas
o  Cipeiros
o  Lider de Equipe

            Objetivo:
                            
v       Atender os Procedimentos
v       Praticar os Exercícios Simulados

ROTINA DE ABANDONO DE ÀREA

o  O procedimento estabelecido e implementado para abandono da unidade fabril da Plásticos Acalanto, será mediante sinal sonoro, com deslocamentos através de rotas de fugas e acesso aos pontos de encontro estabelecidos. Esta rotina de exercícios simulados será registrada em livro de Ata.

AVISO SONORO

o  Na hipótese  de uma emergência.
o  Será acionado pelo responsável da Brigada ou pelos Cipeiros.

ROTA DE FUGA

o  Rota estabelecida para que sirva de orientação aos colaboradores no momento de abandono do ambiente de trabalho na ocorrência de Alarme Sonoro.
o  As Rotas de Fugas de eventual ocorrência de incêndio nas unidades da Plásticos Acalanto  numa emergência.Não será através de sinalização de solo porém a evacuação do ambiente fabril será através de placas indicativas e fluorescentes(visíveis no escuro).
o  A falta de Energia gerada numa eventual emergência
     Nas unidades da Plásticos Acalanto, será suprida por lâmpadas de emergência, indicando assim os corredores e saídas de suas dependências.  
PONTOS DE ENCONTROS
o  O local seguro de encontro dos colaboradores,foi definido por brigadistas e Membros da Cipa da Acalanto,que após a evacuação de sua dependência fabril os colaboradores se reunirão do lado externo da fábrica em local pré-definido.
o  O acesso a este local se dará através de 04 pontos.
Ponto 01-Saída pela porta localizada no Setor de Corte.
Ponto 02-Saída pela porta localizada no Setor dos Fornos.
Ponto 03-Saída pela porta localizada no Setor da Administração.
 Ponto 04-Saída pela porta localizada no Setor da Expedição
CONFERÊNCIA DOS COLABORADORES
o  Na hipótese de uma eventual emergência nas dependências da Plásticos Acalanto, após a evacuação das pessoas do interior da unidade fabril, haverá verificação por parte dos cipeiros brigadistas e lideres de equipe se todos os colaboradores deixaram o local.
o  Os lideres de equipe verificarão se sua equipe está presente
o  Realizar buscas nos pisos e locais fechados.
o  Cronometrar o tempo de evacuação, se numa saída houver fila demorada orientar os colaboradores para sair por uma mais próxima.
EXECUÇÃO DO PLANO DE FUGA
o  Este plano de fuga será executado segundo as orientações de pessoal responsável pela elaboração do mesmo, cabendo a chefia o encargo de auditá-lo e colocá-lo em prática para assim prevenir os colaboradores sobre os riscos de um iminente sinistro.
o  Os colaboradores estarão no encargo de cumprir e colaborar com estas instruções de alerta sobre uma possível emergência real.

Nenhum comentário:

Postar um comentário